Reconstrução de Mamas

O câncer de mama hoje é uma doença que pode ser curada, desta forma a mastologia vem avançando drasticamente nos últimos anos trazendo índices de cura altos e melhoria na qualidade de vida destas pacientes A cirurgia plástica é responsável por reconstruir as mamas após o tratamento cirúrgico realizado pelos mastologistas. A reconstrução pode ser realizada ao mesmo tempo da retirada do tumor, ou tardiamente .

Existem muitas opções para reconstrução de mama:

Tram: retalho reto abdominal, o retalho significa transferir um tecido de uma área para outra com as artérias e veias que nutrem este tecido. Neste caso retira-se a gordura e a pele da parte inferior do abdome, acompanhado pelo músculo reto abdominal que leva os vasos que nutrem esta ilha de pele e gordura. No abdome a cirurgia se assemelha plástica de abdome (abdominoplastia).

Complicações :

Necrose: a pele e a gordura que formarão a nova mama recebem sangue dos vasos do músculo abdominal , porém esse fluxo de sangue pode não ser o suficiente para nutrir essa pele da nova mama. Isso pode ocorrer por uma vascularização anormal , cigarros , aterosclerose, diabetes, radioterapia prévia , torção do musculo inadequada. Esta necrose pode atingir a nova mama total ou parcialmente.

Fragilidade parede abdominal: como o músculo reto abdominal é transferido para levar o suprimento arterial para o retalho, a parede é refeita com uma ”tela”, e assim nunca terá a mesma tensão muscular, podendo levar a fraqueza do abdome e abaulamentos.

Re-absorção

Outras: trombose, infecção, abertura dos pontos, cicatrizes inestéticas.

Expansor

Expansor de pele é uma “bolsa” que é colocada na região onde se deseja aumentar a pele. Cerca de um mês após ser colocado o expansor inicia-se a expansão , ou seja é injetado soro fisiológico nesta bolsa , e assim faz-se com que a pele nesta área se multiplique , como ocorre na gravidez . Quando a pele atinge o volume desejado , este expansor de pele é retirado e substituído por uma prótese definitiva.

Prótese de mama: em alguns casos é possível colocar uma prótese de silicone no procedimento inicial.

Retalhos locais: são usadas técnicas como de plástica de mama, nos casos onde se retira apenas parte da mama.

Retalho grande dorsal: retira-se o músculo e a pele das costas para formação da nova mama, muitas vezes se necessário usa-se uma prótese de silicone para completar o procedimento.

Enxerto de gordura: lipofilling , retira-se gordura através de lipoaspiração. Esta gordura é tratada e infiltrada para preencher a área com defeito. Muito utilizada associada com outras técnicas para refinar o resultado. Hoje cada vez mais utilizada .

 

Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu comentário

certificado-1

×

certificado-2

×

certificado-3

×

certificado-4

×

certificado-5

×

certificado-6

×

certificado-7

×

certificado-8

×

certificado-9

×

certificado-10

×

certificado-11

×

certificado-12

×

certificado-13

×

certificado-14

×

certificado-15

×

certificado-16

×

certificado-17

×

certificado-18

×

certificado-19

×

certificado-20

×

certificado-21

×

certificado-22

×

certificado-23

×

certificado-24

×

certificado-25

×

certificado-26

×

certificado-27

×

certificado-28

×